Primeira vitória

Na estreia do Sul-Americano, Camponesa/Minas vence o Regatas Lima, por 3 a 0

Primeira vitória


Foi um jogo bem tranquilo para a equipe Camponesa/Minas. Sem muitas dificuldades deste do início do duelo, as donas da casa venceram o Regatas Lima, do Peru, por 3 sets a 0, na noite dessa terça-feira, na estreia do Campeonato Sul-Americano Feminino de Clubes, disputado na Arena Minas Tênis Clube, até o próximo sábado (24/2). As parciais do jogo foram: 25/22, 25/13 e 25/14. A oposta Laiza foi a maior pontuadora do jogo, com 13 acertos. Pelo lado peruano, Alexandra e Holly marcaram nove pontos cada uma. No segundo jogo da noite, vpalido pelo Grupo B, o Gimnásia Y Esgrima, da Argentina, derrotou o Universitario San Simón, da Bolívia, também por 3 a 0 (25/11, 25/12 e 25/16). O campeão da competição garante vaga no Campeonato Mundial de Clubes deste ano, que será disputado na China.

Camponesa/Minas conquistou a primeira vitória no Sul-Americano e, nesta quarta, enfrenta o Boca Juniors (Foto: Orlando Bento/MTC)Camponesa/Minas conquistou a primeira vitória no Sul-Americano e, nesta quarta, enfrenta o Boca (Foto: Orlando Bento/MTC)

Com o bom resultado na estreia, a Camponesa/Minas ganha confiança para enfrentar, nesta quarta-feira (21/2), às 20h, o Boca Juniors, da Argentina, pela segunda rodada do Grupo A. Mais cedo, às 18h, o Sesc-RJ, que está no Grupo B, estreia na competição, contra o San Simón.

O técnico Stefano Lavarini não pode contar com a norte-americana Destinee Hooker, que teve uma inflamação na região da virilha e precisou passar por um pequeno procedimento para drenagem. A jogadora será avaliada dia-a-dia pelos médicos do Minas para saber se terá condições de jogo.

Após a partida, o presidente do Minas Tênis Clube, Ricardo Vieira Santiago, entregou uma bola ao presidente da Confederação Sul-Americana de Voleibol, Rafael Lloreda, ao vice-presidente Túlio Teixeira e ao presidente da Federação Mineira de Vôlei, Tomás Mendes. O ato simboliza a transferência da sede do vôlei Sul-americano para a Arena do Minas Tênis Clube, em Belo Horizonte (MG).

Ingressos
Os ingressos para todos os dias da competição estão à venda na internet e nas Centrais de Atendimento (somente para sócios do Minas). Para a primeira fase da competição (até quinta-feira), o Minas liberou um lote promocional para os 1.000 primeiros bilhetes, que serão vendidos a R$ 10. Os valores, fora do lote promocional e para as fases semifinal e final (sexta-feira e sábado), são R$ 20 e R$ 10 (meia-entrada), para estudantes, crianças de 6 a 12 anos, pessoas com mais de 60 anos e sócios do Minas (É necessária a apresentação de documento que comprove o benefício). A bilheteria e os portões da Arena MTC serão abertos, até quinta-feira (22/2), às 16h30.

A estreia
No primeiro set, a Camponesa/Minas procurou conhecer o time adversário, que equilibrou o início da parcial. Com bons saques, o time peruano disputou o ponto a ponto até a metade do set, quando as donas da casa conseguiram ditar o ritmo da partida. Aos poucos, a Camponesa/Minas abriu vantagem e fez 1 a 0 no jogo (25/22). O segundo set foi mais tranquilo. As peruanas erraram muito na recepção e, com isso, a Camponesa/Minas não encontrou dificuldades para fazer 2 sets a 0 (25/13). O time minastenista manteve a intensidade e não deu chances ao adversário, que até conseguiu diminuir os erros, mas não teve forças para segurar o ataque mineiro (25/14).

Para a ponteira Rosamaria, o time fez o que era esperado e, mesmo sem conhecer o adversário, dominou o jogo. “Tivemos alguns poucos erros no início, o que é normal em estreia. A gente não conhecia o time delas, mas entramos em quadra focadas para fazer o nosso dever de casa. Ficamos felizes com o resultado e, agora, é encarar o próximo adversário. Conhecemos algumas poucas jogadoras do Boca Juniors, mas não sabemos como o time joga. Assim, vamos entrar em quadra focadas para evitarmos qualquer surpresa”, comentou Rosamaria.

Ficha técnica
Camponesa/Minas:
 Macrís, Laiza, Carol Gattaz, Mara, Rosamaria, Pri Daroit e a Léia (líbero).
Entraram: Pri Daroit, Karol Tormena, Karine e Mayany. Técnico: Stefano Lavarini.
Regatas Lima (Peru): Angélica, Cristina, Taylor, Alexandra, Karla, Holly e Mirian (líbero). Entraram: Jessenia, Lesly, Lisset e Ângela. Técnico: Francisco Hervás.
Árbitros: Maurício Lueges, da Argentina, e Jaime Suarez, da Bolívia.

No segundo jogo desta primeira noite de Campeonato Sul-Americano o Gimnásia Y Esgrima não teve dificuldades para vencer o Club Universitario San Simón, por 3 sets a 0. As parciais do jogo foram: 25/11, 25/12 e 25/16. O time boliviano descansa na rodada desta quarta-feira.

Gimnásia Y Esgrima venceu o San Simón na estreia do Sul-Americano (Foto: Orlando Bento/Minas Tênis Clube)Gimnásia Y Esgrima venceu o San Simón na estreia do Sul-Americano (Foto: Orlando Bento/Minas Tênis Clube)

Tabela completa
20/2 (terça-feira)
Camponesa/Minas (3
 x 0) Regatas Lima (PER) - (25/22, 25/13 e 25/14)
Gimnasia Y Esgrima (ARG) (3 x 0) San Simón (BOL) - (25/11, 25/12 e 25/16)

21/2 (quarta-feira)
18h – Sesc-RJ (BRA) x Gimnasia Y Esgrima (ARG)
20h – Camponesa/Minas x Boca Juniors (ARG)

22/2 (Quinta-feira)
18h – Sesc-RJ (BRA) x San Simón (BOL)
20h – Regatas Lima (PER) x Boca Juniors (ARG)

23/2 (Sexta-feira)
14h30 – 3º colocado grupo A x 3º colocado grupo B
17h30 – Semifinal 1 – 1º colocado grupo A x 2º colocado grupo B
19h30 – Semifinal 2 – 1º colocado grupo B x 2º colocado grupo A

24/2 (Sábado)
12h30 – Disputa de 3º lugar – Perdedor da semifinal 1 x Perdedor da semifinal 2
15h45 – Final – Ganhador da semifinal 1 x Ganhador da semifinal 2 – Sportv

Patrocinador: 
Leite Camponesa
Patrocinador: Embaré
Patrocinador: Localiza Hertz
Patrocinador: Newton Paiva
Fornecedor de Material Esportivo: Karine Lessa

 

Fotos: Orlando Bento/Minas Tênis Clube