Merecia mais

Minas é prejudicado pela arbitragem e perde para o Sada Cruzeiro



O Minas foi derrotado, nesta sexta-feira, pelo Sada Cruzeiro, por 3 sets a 1 (25/22, 25/21, 20/25 e 26/24), pela segunda rodada do Campeonato Mineiro. A partida foi muito disputada, com variações na liderança do placar. O Minas evoluiu em relação ao primeiro jogo e, por pouco, não conseguiu levar a partida para o tie-break. No fim, um erro da arbitragem prejudicou a equipe minastenista. Agora, na próxima rodada, o Minas encara o Montes Claros, fora de casa, no dia 19, às 20h.

Minas perde para o Sada Cruzeiro no Riacho (Foto: Orlando Bento / Minas Tênis Clube)Minas perde para o Sada Cruzeiro no Riacho (Foto: Orlando Bento / Minas Tênis Clube)

O técnico Nery Tambeiro fez projeções para o restante do Campeonato Mineiro. "Teremos, agora, duas partidas muito difíceis contra o Montes Claros, fora de casa. Temos que tentar vencer para ficar em segundo lugar nesta fase e decidir a semifinal na nossa casa, diante de nosso torcedor. O Minas está evoluindo, e tenho tido condições de rodar mais os jogadores. Passei a ter mais opções", afirmou.

O jogo

O Minas fez um primeiro set equilibrado. O que contou contra foi o excesso de erros de saque no início do jogo. Foram cinco, quase em sequência. Com isso, o Sada Cruzeiro administrou a vantagem durante todo o set. O time minastenista ainda fez pressão, aumentou a força no bloqueio e conseguiu encostar no placar, fazendo 22/21. Porém, o Sada Cruzeiro, principalmente com a grande apresentação de Simon, conseguiu fechar em 25/22.

Até o meio do segundo set, o Minas esteve em vantagem no placar. Mas o Sada Cruzeiro, com o cubano Leal, conseguiu empatar e virar o jogo. Davy sacou muito, conseguiu quebrar o passe dos rivais, mas não foi o suficiente para conquistar a vitória no set. O técnico Nery Tambeiro até que tentou modificar a equipe em quadra, mas o Sada Cruzeiro fechou em 25/21.

O trabalho de fundo de quadra exercido pelo cubano Bisset foi fundamental para a vitória minastenista no terceiro set. O ponteiro teve papel importantíssimo no resultado, irritando um pouco os adversários, que não conseguiam botar a bola no chão. A vitória do Minas foi tranquila, sem sustos, já que a vantagem sempre aumentou, com o decorrer do tempo. No fim, 25/20 para o Minas.

O quarto set foi marcado por erros do árbitro, que influenciaram no marcador. O Minas tinha a vantagem, Davy explorou o bloqueio, e a bola foi para fora. A equipe abriria dois pontos de vantagem já no fim do set. Mas a arbitragem entendeu que houve desvio antes de a bola tocar ao chão. Ponto para o Sada Cruzeiro, que fechou em 26/24.

Ficha técnica
Sada Cruzeiro: Éder Levy, Uriarte, Evandro, Leal, Simon, Filipe e Serginho (líbero).  Entraram: Pablo, Leandro, Alemão e Robert. Técnico: Marcelo Mendez.
Minas: Davy, Marlon, Bob, Flávio, Bisset, Pétrus e Maique (líbero). Entraram: Carísio, Roque, Honorato, Rogerinho e Thiago Vanole. Técnico: Nery Tambeiro.
Arbitragem: Luis Henrique Coutinho

Mineiro 2017
30/8 – Minas (0 x 3) Sada Cruzeiro – Mariana (MG)
15/9 – Sada Cruzeiro (3 x 1) Minas – Contagem (MG)

19/9 – 20h – Montes Claros x Minas – Montes Claros (MG)
21/9 – 20h – Montes Claros x Minas – Montes Claros (MG)
26/9 – 19h – JF Vôlei x Minas – Juiz de Fora (MG)
27/9 – 19h – JF Vôlei x Minas – Juiz de Fora (MG)

Patrocinador: JAM Engenharia
Patrocinador: Hermes Pardini
Patrocinador: UniBH
Fornecedor de material esportivo: Karina Lessa