Jackson chegou

Com aval da CVC, Minas Storm contará com o ala/armador David Jackson



Contando com a parceria da CVC, uma das maiores empresas brasileiras do setor de turismo, a equipe de basquete do Minas anuncia a chegada de mais um reforço para a temporada 2020/21. E, desta vez, será um velho conhecido do torcedor brasileiro. O norte-americano David Jackson, 38 anos e 1,92m,  disputará a sua oitava edição do Novo Basquete Brasil (NBB), agora, com a camisa azul e branca da equipe mineira. Na temporada passada, o atleta representou o Sesi-Franca e teve médias de 17,1 pontos, 4,6 rebotes e 3,2 assistências por jogo. Jackson é o 4º reforço anunciado pelo Minas Storm para esta temporada. Confira AQUI quem está confirmado no elenco minastenista.

David Jackson vai representar o Minas Storm na temporada 2020/21 (Foto: Thiago Moreira-Vasco)David Jackson vai representar o Minas Storm na temporada 2020/21 (Foto: Thiago Moreira-Vasco)

Apesar de ser norte-americano, nascido em Maryland, foi na América do Sul que Jackson passou a maior parte da carreira. A sua primeira temporada como profissional foi no Uruguai, onde atuou pelo Defensor Sporting (2007/08). Na temporada seguinte, Jackson se transferiu para a Argentina e representou o Penharol (2008/09) e o La Uníon (de 2009 a 2011). Por lá, ele também defendeu o Gimnasia Indalo e o Quimsa nas temporadas 2012/13 e 2015/16, respectivamente. No Brasil, Jackson jogou em quatro clubes e disputou sete edições de NBB: Flamengo (2011/12); Limeira (2013 a 2015), Vasco da Gama (2016 a 2018) e Sesi-Franca (2018 a 2020). O jogador também já atuou pelo Cangrejeros, de Porto Rico.

“David Jackson é um jogador bem experiente. Ele foi muito bem em todas as temporadas aqui no Brasil. É um atleta muito vencedor, com muita qualidade de arremesso e de criação. Sem dúvida alguma, fortalece demais a nossa equipe e nos deixa com mais ambição de brigar forte e sonhar bem alto nas competições que vamos disputar”, comenta o treinador do time minastenista, Leo Costa.

Por onde passou, David Jackson foi destaque da equipe. O jogador foi o melhor estrangeiro do Campeonato Argentino (2008/09), melhor ala-armador do Campeonato Argentino (2009/10). Já no Brasil, ele foi duas vezes melhor estrangeiro (2014 e 2015), MVP do NBB (2014/15) e MVP da Liga Sul-americana 2018.

Jackson promente muita determinação e raça em quadra. "A minha expectativa é tentar competir como se fosse uma final de  campeonato em cada jogo. Os torcedores podem esperar um jogador com muita vontade de vencer e defender o Clube com muita raça", destaca o atleta.

 

Patrocinador: CVC
Fornecedor de Material Esportivo: Icone

Siga as redes sociais oficiais do Basquete do Minas:
Facebook: 
/mtcbasquete
Instagram: @mtcbasquete