É peeeeenta!

Itambé/Minas vence o Dentil/Praia Clube e conquista o Sul-americano de Clubes



Uberlândia (MG) - Explode, coração! O Itambé/Minas é pentacampeão sul-americano (1999, 2000, 2018, 2019 e 2020)! Na noite dessa sexta-feira, que abre o carnaval, a folia começou na Arena Sabiazinho, em Uberlândia (MG), cidade-sede da 20ª edição do Campeonato Sul-americano de Clubes. Em uma decisão mineira, o time da capital fez, mais uma vez, história no Triângulo Mineiro. Diante do Dentil/Praia Clube, dono da casa, o Itambé/Minas sambou em quadra e soltou o grito de campeão, pelo terceiro ano seguido, ao fazer 3 sets a 0, com parciais de 25/22, 27/25 e 25/16. Além do título, o Itambé/Minas garantiu o direito de disputar, também pelo terceiro ano seguido, o Campeonato Mundial de Clubes.

Pela terceira vez seguida, o Itambé/Minas conquista o Sul-americano de Clubes (Foto: Raphael Oliveira/FMV)Pela terceira vez seguida, o Itambé/Minas conquista o Sul-americano de Clubes (Foto: Raphael Oliveira/FMV)

A seleção do campeonato foi dominada pelas atletas do Itambé/Minas. A búlgara Dobriana Rabadzhieva foi a melhor ponteira. Carol Gattaz foi a melhor central Léia levou o prêmio de melhor líbero e Macrís foi a melhor levantadora. A central Thaisa foi eleita a melhor jogadora do campeonato (MVP). A seleção foi completada pela ponteira Bulaich, do San Lorenzo, pela central Carol e pela oposta Martinez, ambas do Praia Clube.

Para o técnico Nicola Negro, o título representa o resultado de um trabalho desenvolvido em equipe. “Esse título representa a continuidade de um trabalho iniciado lá atrás, pelo Minas. Esse ano, tivemos algumas mudanças importantes, com a troca do comando técnico e algumas jogadoras. Algumas pessoas, no início, não compreenderam isso, mas o resultado de hoje, mostra que estamos no caminho certo e este é o resultado importante de um trabalho que o time fez. Eu dedico esse título à toda a nossa comissão técnica e às jogadoras. É o resultado do trabalho feito em equipe”, destacou o treinador minastenista.

A oposta Sheilla comemorou o seu primeiro título após o seu retorno às quadras e ao Minas. “Desde que voltei a jogar, sabia que os grandes objetivos era a Superliga e o Sul-americano. Eu sabia que não estaria 100%, mas coloquei como objetivo pessoal chegar neste campeonato da melhor forma possível. Depois de três anos parada, eu sabia que precisaria de um tempo para chegar à melhor forma e, ainda, não chegou. Estou a 70 ou 80% do ideal. Estou muito feliz com o resultado e o nosso time está de parabéns. Ainda está longo do que a gente quer, mas, nas horas decisivas, jogamos muito bem”, comemorou Sheilla.

A campanha
O Itambé/Minas conquistou o Campeonato Sul-americano de Clubes 2020 de maneira incrível. A equipe mineira não perdeu nenhum set e venceu todos os seus adversários por 3 a 0. Na estreia, a vitória foi diante da Universidad Católica Boliviana. Depois, as minastenistas venceram o Boca Juniors, da Argentina. O terceiro duelo foi diante da outra equipe argentina, o San Lorenzo. E, por fim, a equipe superou o Dentil/Praia Clube, na noite dessa sexta-feira.

Classificação final
Campeão –
Itambé/Minas
Vice-campeão –
Dentil/Praia Clube
3º lugar -
San Lorenzo (Arg)
4º lugar -
Boca Juniors (Arg)
5º lugar -
Universidad Católia Boliviana (Bol)

Título em jogo
O time da casa começou a parida melhor. O time conseguiu marcar o ataque minastenista e abriu 8 a 4. As meninas se acertaram, passaram a atacar pelas extremidades, com Sheilla e Gattaz, na China, e empataram o duelo (8/8). O Itambé/Minas conseguiu passar à frente no placar após erro de ataque de Garay (10/9). A partir daí, a disputa ficou no ponto a ponto. Com boa consistência de ataque e o bloqueio forte, o Itambé/Minas conseguiu abrir vantagem (17/14). O poder de ataque minastenista estava muito forte. Quando o Praia conseguia passar pelo bloqueio de Thaisa, Sheilla e Gattaz, Léia defendia o fundo de quadra e colocava a bola na mão de Macrís, que distribuía a bola ao ataque. E foi assim, após mais uma china, que Gattaz fechou o primeiro set: 25/22.

No segundo set, o time de Uberlândia esteve à frente no placar a maior parte do tempo. O time minastenista foi marcado e teve dificuldades para passar pelo bloqueio do Praia. Na raça, o Itambé/Minas correu atrás no placar e conseguiu o empate (16/16), após erro de ataque das adversárias, e passou à frente (19/18), com ace de Thaisa. O duelo seguiu muito disputado e tenso. O Praia Clube esteve próximo de empatar o jogo (24/23), mas o time minastenista acreditou e não se entregou. Com muita força, as minastenistas foram ataque e tiraram a vantagem da equipe da casa (25/24). O Praia empatou, mas depois errou, e o Itambé/Minas, que não teve nada com isso, fez 2 a 0 no jogo: 27/25.

O terceiro set foi diferente dos dois primeiros e quem saiu na frente foi o Itambé/Minas que abriu 10 a 7. O time minastenista seguiu dominando o adversário, que não teve conseguiu se encontrar em quadra. Com isso, as minastenistas ampliaram a vantagem (18/13). Sheilla e Thaisa, estiveram muito consistentes no bloqueio e segurou o ataque do Praia, que não conseguia virar bolas e viu o Itambé/Minas fazer 25/16.

Ficha técnica
Itambé/Minas:
 Macrís, Sheilla, Carol Gattaz, Thaisa, Acosta, Rabadzhieva e Léia. (líbero). Entraram:  Kasiely, Técnico: Nicola Negro.
Dentil/Praia Clube:
 Claudinha, Walewska Martinez, Michelle, Carol, Fernanda Garay e Laís (líbero). Entraram: Fawcett, Ananda, Francynne, Suellen, Pri Daroit. Técnico: Paulo Coco.
Árbitros: 
Ivan Couto, do Brasil, e Pedro Fabian, da Argentina.

Tabela de jogos – Arena Sabiazinho (Uberlândia)
17/2 (segunda-feira)
Dentil/Praia Clube (3 x 0) Universidad Católica (BOL)
Boca Juniores (ARG) (0 x 3) San Lorenzo (ARG)

18/2 (terça-feira)
Dentil/Praia Clube (3 x 0) San Lorenzo (ARG)
Universidad Católica (BOL) (0 x 3) Itambé/Minas

19/2 (quarta-feira)
San Lorenzo (3 x 0) Univerdidad Católica (BOL)
Itambé/Minas (3 x 0) Boca Juniors (ARG)

20/2 (quinta-feira) - Transmissão Sportv
Dentil/Praia Clube (3 x 2) Boca Juniors (ARG)
Itambé/Minas (3 x 0) San Lorenzo (ARG)

21/2 (sexta-feira) - Transmissão Sportv
Boca Juniors (ARG) (3 x 0) Universidad Católica (BOL)
Dentil/Praia Clube (0 x 3) Itambé/Minas

Patrocinador: Itambé
Patrocinador: Melitta
Patrocinador: Localiza Hertz 
Patrocinador: 
Axial
Patrocinador: JAM Engenharia
Fornecedor de Material Esportivo: Icone

Siga as redes sociais oficiais do Vôlei do Minas:
Facebook: 
/mtcvolei
Instagram: @mtcvolei

Fotos: Raphael Oliveira/FMV