Cabeça erguida!

Fiat/Minas joga bem, mas é derrotado pelo Sada Cruzeiro e fica com o vice da Copa Brasil



Lages (SC) – O Fiat/Minas não conseguiu evitar a derrota para o Sada Cruzeiro e terminou a Copa Brasil Masculina em segundo lugar. Na noite desse domingo, o time do técnico Nery Tambeiro foi guerreiro, lutou do inicio ao fim e fez um bom jogo, mas acabou superado pela equipe cruzeirense, que ficou com o título, ao vencer por 3 sets a 0. As parciais do jogo foram: 29/27, 25/22 e 25/22. O oposto Davy foi o maior pontuador do Fiat/Minas, com dez acertos.

Fiat/Minas encerra a Copa Brasil na segunda posição (Foto: Divulgação/MTC)Fiat/Minas encerra a Copa Brasil na segunda posição (Foto: Divulgação/MTC)

A campanha do Fiat/Minas na Copa Brasil 2019 merece destaque. Com um elenco jovem e vários atletas formados na base do Minas, o time fez bonito na competição e eliminou grandes potências do vôlei nacional. A competição, organizada pela Confederação Brasileira de Voleibol (CBV), reuniu os oito primeiros colocados do primeiro turno da Superliga. Em cruzamento olímpico, o time minastenista, oitavo colocado turno, enfrentou o líder Sesc-RJ e derrotou os cariocas, por 3 sets 2, no Rio de Janeiro (RJ).

Pela semifinal, já na cidade catarinense de Lages, que sediou a fase final, o Fiat/Minas enfrentou o forte EMS Funvic Taubaté, que ficou em quarto lugar no turno e é um dos times de maior investimento no Brasil, com atletas das seleções do Brasil e da Argentina. Em um duelo emocionante, disputado nesse sábado, o Fiat/Minas venceu o time paulista, por 3 sets a 2, e o deixou fora da decisão.

Já nesse domingo, o time fez um jogo duro contra o Sada Cruzeiro e enfrentou o adversário de igual para igual. As parciais (29/27, 25/22 e 25/22) mostram que, apesar do placar de 3 a 0, o jogo foi bastante equilibrado.

Para o técnico Nery Tambeiro, o balanço da competição foi muito positivo. “Saímos de oitavo lugar na classificação inicial do torneio e chegamos, aqui, em segundo lugar. Hoje, fomos a segunda melhor equipe do país. É um balanço muito positivo de superação, mas sabemos que, ainda, temos um caminho longo para chegar no nível que queremos chegar. Mas, isso, é passo a passo e estamos no caminho. Na partida de hoje, particularmente, a equipe fez um bom jogo, mas cometeu alguns erros e pagamos o preço. Saímos de cabeça erguida e vamos com tudo para o segundo turno da Superliga, competição que a gente vem em uma boa crescente”, avaliou o treinador minastenista.

A final
A decisão do título foi bem equilibrada. Os times mostraram, desde o início, que o duelo seria bem disputado. A defesa adversária sofreu com o potente saque do Fiat/Minas no primeiro set. Intenso no setor ofensivo e muito seguro na defesa, a equipe abriu boa vantagem (11/6). O Sada Cruzeiro se acertou e empatou (15/15). O jogo ganhou ares de tensão e ficou muito nervoso. O bloqueio minastenista funcionou bem, com Marlon, Flávio e Honorato ou Davy. No fundo de quadra, o líbero Maique fez grandes defesas, mas, no fim, após muito equilíbrio, o Sada Cruzeiro fechou o set com diferença mínima: 29/27.

Oposto Davy marcou 10 pontos na decisão da Copa Brasil (Foto: Cristiano Andujar/Inovafoto/CBV)Oposto Davy marcou 10 pontos na decisão da Copa Brasil (Foto: Cristiano Andujar/Inovafoto/CBV)

O segundo set não foi diferente. O Fiat/Minas buscou manter o equilíbrio, mas cometeu alguns erros na recepção. O ataque funcionou, mas o time adversário conseguiu defender boas bolas. Desta forma, os cruzeirenses, aos poucos, conseguiram fazer o placar e fecharam a parcial em 25/22.

No terceiro set, assim como no segundo, o time do Cruzeiro conseguiu marcar os atacantes do Fiat/Minas. Já a equipe minastenista cometeu alguns erros e, assim, acabou desperdiçando oportunidades. Apesar dos erros, o set foi equilibrado, mas a equipe adversária levou a melhor e finalizou a partida, com o mesmo placar do segundo set (25/22).

Troca o chip
O Fiat/Minas chega a Belo Horizonte na noite desta segunda-feira (28/1) e volta as atenções para a sequência da Superliga Masculina Cimed. Nesta terça-feira (29/1), a equipe recebe, às 17h, na Arena Minas Tênis Clube, o São Judas Voleibol, pela terceira rodada da competição nacional. E a terça-feira será de rodada dupla para o torcedor minastenista. Após o duelo da equipe masculina, as meninas do Minas entram em quadra para enfrentar, às 19h30, o Sesi Vôlei Bauru, pela terceira rodada da Superliga Feminina Cimed. Os portões da Arena serão abertos às 16h e um único ingresso é válido para os dois jogos, desde que o torcedor não saia do ginásio. Os bilhetes já estão à venda pela internet. Os valores são R$ 20 e R$ 10 (meia-entrada).

Ação solidária
Consternados com os problemas causados pelo rompimento das barragens da Vale, em Brumadinho (MG), os jogadores do Fiat/Minas e membros da comissão técnica entraram em quadra com um laço preto na camisa, ao lado do escudo do Minas Tênis Clube, tanto na semifinal quanto na final. A ação simboliza o luto pelas vítimas da tragédia, ocorrida na última sexta-feira.

Ficha técnica
Fiat/Minas:
 Marlon, Roque, Flávio, Cledenilson, Bob, Honorato e Maique (líbero). Entraram: Davy, Piá, Winck e Elian. Técnico: Nery Tambeiro.
Sada Cruzeiro: Cachopa, Evandro, Le Roux, Sander, Rodriguinho, Isac e Serginho (líbero). Entraram: Sandro, Luan, Leo e Filipe. Técnico: Marcelo Mendez.
Árbitros: Paulo Beal e Patrick Basso, ambos de Santa Catarina.

Copa Brasil – Semifinais
Jogo 5 – 26/1 – Sada Cruzeiro (3 X 1) Copel Telecom Maringá - Lages (SC)
Jogo 6 – 26/1 – Fiat/Minas (3 X 2) EMS Taubaté Funvic - Lages (SC)

Final
Jogo 7 – 27/1 – Sada Cruzeiro (3 x 0) Fiat/Minas – Lages (SC)

 

Superliga Masculina – Segundo turno
11/1 – Fiat/Minas (3 x 1) Corinthians Guarulhos – Arena MTC – (25/20, 25/17, 22/25 e 25/22)
19/1 – Vôlei Renata (0 x3) Fiat/Minas – Campinas (SP) – (25/21, 25/19 e 25/20)
29/1 – 17h – Fiat/Minas (x) São Judas Voleibol – Arena MTC – Sportv 
2/2 – 16h – Fiat/Minas (x) Vôlei Um Itapetininga – Arena MTC
7/2 – 20h – EMS Taubaté Funvic (x) Fiat/Minas – Taubaté (SP)
17/2 – 11h – Fiat/Minas (x) Sesc-RJ – Arena MTC
20/2 – 20h – Sesi-SP (x) Fiat/Minas – São Paulo (SP)
23/2 – 19h – Sada Cruzeiro (x) Fiat/Minas – Contagem (MG)
28/2 – 20h – São Francisco Saúde/ Vôlei Ribeirão (x) Fiat/Minas – Ribeirão Preto (SP)
9/3 – 16h – Fiat/Minas (x) Copel Telecom Maringá Vôlei – Arena MTC
16/3 – a definir – Caramuru Vôlei (x) Fiat/Minas – Ponta Grossa (PR)

Patrocinador: Fiat
Patrocinador: 
Newton Paiva
Patrocinador: Hermes Pardini
Fornecedor de Material Esportivo: Rainha 


Siga as redes sociais oficiais do Vôlei do Minas:

Facebook: 
/mtcvolei
Instagram: @mtcvolei

Fotos: Cristiano Andujar/Inovafoto/CBV